quarta-feira, 14 de abril de 2010

Odeio o jeitinho brasileiro

Odeio o sujeito que dá uma de malandro,
Odeio o sujeito que se acha malandro,
Odeio o "vai que dá!" no trânsito,
Odeio o "pôxa seu guarda..." pro policial,
Odeio o "dá nada..." no dia a dia,
Odeio o "mas todo mundo faz", na vida.

Se você é um dos inúmeros imbecis que eu vejo fazendo isso, todo dia.

Parabéns!

Bem vindo à escória da condição humana.

2 comentários:

Fi disse...

Fozzy, Fozzy, cada vez mais me orgulho de ser da mesma turma que vc :).

É preciso coragem para dizer isso, cara. Eu penso essas coisas quase diariamente, mas não consigo dizer por achar que é chato dizer isso, ou pra não me desentender com as pessoas com quem convivo. Mas é a verdade, e mais cedo ou mais tarde minha opinião virá à tona.

Além disso, é bom de vez em quando a gente levar a verdade na cara, inclusive essas pessoas que fazem e militam esse jeitinho brasileiro maldito. Tapas na cara costumam ser o melhor remédio pra mta coisa :).

[]s, cara!

Marco disse...

E ainda tem a tradicional carteirada e o tradicional "você sabe com quem está falando?". Ê, paiseco...